[Divulgação] Blood of Gods

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Divulgação] Blood of Gods

Mensagem por Kiriel viper em Sab 10 Fev 2018 - 20:54


(Clique para ser redirecionado)

Fórum baseado nas obras de Rick Riordan - entendam como baseado como "tendo como ponto de partida inicial" e não que iremos seguir fielmente o que foi criado por ele. Deste modo, mesmo quem não leu as obras do autor pode participar que não haverão problemas de compreensão ou parecido.

A trama principal se passa 15 anos após a guerra contra Gaia e uma nova ordem foi instaurada no mundo greco-romano. Nyx e Érebos, assim como suas contra-partes romanas, haviam aguardado séculos a fio para executar seu plano. A prisão do deus das trevas e vácuo foi uma manobra de ambos para enganar os deuses e os fazerem abaixar a guarda para retomarem o poder, no futuro. O motivo? Que a deusa da noite tem sonhos proféticos as pessoas sabem, no entanto, não sabem o quão precisos eles são ou até onde os primordiais iriam para ter o que querem. A divindade da noite havia visto que os Olimpianos, sob comando de Zeus, não fariam um bom governo e articulou junto ao marido, Eros e Gaia um plano para restaurar o mundo dos homens, posteriormente, ao estado de Amor da Criação que eles tanto gostavam. As guerras, mortes e conflitos surgidos pela má gestão dos Olimpianos deviam ser combatidos, mas antes eles deviam deixar os mortais e deuses verem o que o egoismo e ações de seu líder causariam a eles. Quando os Acampamentos Júpiter e Meio-Sangue se recuperavam das guerras, os monstros aproveitavam todas as brechas possíveis para ataca-los e semideuses chegando até o Acampamento, seja lá qual for, era até complicado. A duvida e incerteza começavam a circular entre gregos e romanos, pois o deus dos deuses estava deixando tudo aquilo acontecer sem fazer nada para auxiliar eles. Isso deu brecha para os primordiais surgirem e, dessa forma, dois grupos surgiram e começaram a auxiliar Nyx e Érebos em seu plano. Eles viriam ficar conhecidos, após a guerra, como Sacerdotisas de Nyx e Cavaleiros de Érebos.

A guerra veio e os Olimpianos caíram, tendo o controle tomado pelos deuses primordiais. Os gêmeos permitiram que Poseidon, que se mantivera neutro na maior parte da guerra até se mostrar a favor de Nyx e Érebos, permaneceu no comando de Atlanta e dos oceanos. Atena foi colocada para governar o Olimpo e Nyx e Érebos cuidam do Submundo. Zeus e Hades form presos no Tártaro, onde o primordial homônimo diverte-se em causar sofrimento e dor. Todos os semideuses receberam permissão para permanecer no Acampamento e nada lhes fora tirado. Como mudança positiva, os semideuses puderam passar a ter um pouco mais de contato com seus pais e os estímulos de semideuses interagirem com os do outro Acampamento foi aumentado. Os semideuses notaram que Nyx escutava, sim, as opiniões deles e, quando possível, tentava implantar as ideias que eles davam se isso não fosse causar mais mal do que bem. O mundo humano prosperava mais e melhor, porém sem prejudicar a nevoa existente e certos problemas - como terrorismo - haviam diminuído relativamente bem por ajuda indireta de "benfeitores".


O que não esperavam, na realidade, era que o Acampamento Nórdico se aproximasse dos Acampamentos Greco-Romano e desejassem participar daquela nova interação. Claro, os panteões continuavam separados e cada um ainda tinha suas convicções, no entanto agora os três participavam do intercambio e era permitido o ingresso de semideuses nos grupos de seguidores mesmo de deuses de origem nórdica ou greco-romana. Odin havia sido derrotado e devorado, Thor estava morto e muitos deuses ainda estavam se recuperando de seu Crepúsculo. Mas o Ragnarok não havia terminado como o esperado. Loki havia vencido a guerra com seus filhos e tomara a bela deusa do amor e da guerra, Freya, como sua esposa e rainha. O casamento com a gigante havia se revelado uma farsa, tal como o antigo casamento da deusa supracitada. Os Vanir haviam se erguido como clã no poder e auxiliavam o governo de Asgard como possível. As marcas da guerra ainda eram visíveis em deuses e semideuses, mas eles iriam se recuperar.

O surgimento de dois novos deuses nórdicos, de idades próximas, surpreendera alguns, é claro. Mas Lilya e Azarov logo mostraram-se mais adeptos a uma convivência pacifica e cooperativa entre si do que a relação tumultuada que Thor e Loki tiveram outrora. Para todos os fins, ambos foram sim criados como irmãos, mesmo achando que não eram. Freya havia amamentado ambas as crianças, apesar de haver a crença no Acampamento e em Asgard que apenas Lilya era sua filha - e que Loki não era pai dela -, sem o menor problema.


E, no entanto, um terror maior do que aqueles já enfrentados pelos semideuses, estava começando a se levantar e se mostrar. Mortes, desaparecimentos, criaturas e monstros que jamais haviam visto antes... Mais do que nunca, todos precisariam cooperar entre si.


Última edição por Kiriel viper em Dom 30 Set 2018 - 15:51, editado 2 vez(es)
avatar
Mensagens : 21

Data de inscrição : 03/12/2014

User
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum